Um dos primeiros passos do empreendedor que decide fazer a abertura de uma empresa no Paraná, ou em qualquer cidade ou estado, é pensar em um sócio.

É natural que com essa oportunidade em aberto venha à mente desse empresário um amigo próximo ou conhecido, que geralmente tem características muito parecidas com as dele no âmbito profissional, e aí que mora o perigo!

Para que uma sociedade tenha sucesso é fundamental entender a importância de escolher corretamente um sócio, e qual fator deve usar para definir isso.

 

Como escolher um sócio

Naturalmente somos inclinados a escolher pessoas que tem o perfil parecido com o nosso, e isso acaba sendo um erro. Pois quem é muito parecido com você tende a pensar como você, e pode ser que essa pessoa não traga nenhuma contribuição ou conhecimento diferenciado para a sua empresa.

Ela provavelmente terá habilidades muito parecidas com as suas, e não vai estabelecer um contraponto para as atividades. No processo de escolha de um sócio é importante pensar que ele precisa complementar as suas capacidades.

Por exemplo, se tiver um perfil mais voltado para gestão financeira é ideal que o seu sócio tenha um perfil desenvolvido em Marketing e vendas, e aí que identificamos o contraponto.

É fundamental que a pessoa que vai se associar a alguém agregue conhecimento, imagine que você é um gestor financeiro muito bom e com certeza sem isso a sua empresa não vai pra frente, mas como vender essa sua gestão se não tem habilidade com isso? Qual marketing seria ideal para resolver isso? É esse tipo de conhecimento que um sócio deve trazer para a sua empresa, ele deve fortalecer os seus pontos fracos, sejam eles quais forem.

Se você é alguém que sabe vender e lidar com o cliente, mas não sabe lidar com números, não sabe tomar decisões financeiras o seu negócio terá problemas, pois com o seu conhecimento efetuará boas vendas, mas terá problemas de rentabilidade.

Esse é o um dos fatores mais importantes na escolha de um sócio, ter pessoas com você que farão um contraponto com as suas habilidades e não pessoas que tenham em comum àquilo que já faz, por mais que isso seja comum, não é correto.

Tenha em mente que deve complementar o seu conhecimento, ninguém é bom em tudo, por isso a sociedade traz essa oportunidade ao empresário, procurar habilidades que ele não tem em outra pessoa.

 

Montando uma sociedade no Paraná

Cabe também lembrar que quando decide optar por uma sociedade deve prever tudo contratualmente de forma muito clara, especificando no papel soluções e saídas que serão adotadas se algo der errado na sua sociedade.

Muitas pessoas ficam presas a sociedades falidas porque podem perder muito, elas não tem uma boa relação contratual. Nessa sociedade deve ser bem definida a possibilidade de algo dar errado, caso isso ocorra quem vai ficar, por exemplo, com a marca, como vai ficar a questão de pagamentos, as coisas do dia a dia enfim, essas cláusulas todas você pode e deve por dentro desse contrato de sociedade que vai elaborar. Isso tudo vai ajudar que tenha uma relação mais saudável com o seu sócio. Quando for elaborar o seu contrato pense em expor tudo, quanto maior for a descrição dessa sociedade como os direitos e deveres, mais fácil ela pode ser desfeita caso ocorra algum problema. Você não deve começar nada que pensa que vai dar muito errado ou onde enxerga muitas chances pra isso, mas sociedades são como casamentos, ninguém casa com a intenção de se separar no mês seguinte.

Pense bem no que seu sócio vai trazer ao seu negócio e quando chegar a uma definição e escolher essa pessoa coloque tudo o que puder no seu contrato, assim evitará problemas e vai trabalhar com maior segurança e tranquilidade.

 

Solicite sua Proposta

privacy Informação protegida